Papaiz & Fleury Light

Quanto à aquisição da Papaiz pelo Fleury e Odontoprev, gostaria de compartilhar com os amigos radiologistas minha preocupação sobre o tema.

Gigantes com enorme poderio econômico claramente já se infiltraram na Odontologia Assistencial, e agora estão fazendo o mesmo na Odontologia Diagnóstica.

Conforme matéria publicada no jornal Valor Econômico, segundo o presidente da Odontoprev/Rede Unna, Randal Zanetti, a compra foi realizada por meio da Clidec. Esta empresa também sócia do Fleury e já gerencia as 60 clínicas próprias da Odontoprev!

Isto é uma ameaça real à prática odontológica. (Link 1)

Bem, mas vamos nos concentrar no que nos afeta.

Como bem disse na publicação citada Omar Hauache, presidente do Fleury, somos uma concorrência pulverizada.

Pulverizada é a melhor descrição da Radiologia Odontológica atual.

Não temos representatividade, não temos liderança, estamos isolados em nossas clínicas à mercê de predadores que encaram a Saúde apenas como mais um negócio lucrativo. Iniciativas diletantes acabam por serem asfixiadas por interesses pessoais e mesquinhos e a verdade é que nada se consegue mudar quanto aos reais interesses dos CDs.

Por outro lado, existe uma enorme dificuldade de mobilizar os Dentistas de modo geral em torno de causas coletivas. (link 4)

Pulverizada será a Especialidade Radiologia Odontológica e, por conseguinte, nossas clínicas se não tomarmos uma atitude firme e incisiva.

Atualmente, uma boa parte das pessoas não tem plano de saúde dental, mas a maioria tem plano médico.

Hoje a maioria das Clinicas Radiológicas consegue sobreviver sem os convênios porque os planos médicos não cobrem exames odontológicos. A Odontoprev/Rede Unna (detentora de 40% do mercado nacional) também em relação aos radiologistas, é um dos maiores predadores da Odontologia, pois paga R$ 17,68 por uma Radiografia Panorâmica há mais de 12 anos (acho que é bem mais que isso) sem nunca ter feito qualquer reajuste. (Links 2, 3 e 4)

Agora, imaginem se os grandes convênios começarem a cobrir exames de radiologia odontológica. Imaginem se o Fleury e sua rede “básica” A+ leve as clínicas Papaiz para dentro de suas unidades, 50 só em SP e 200 no Brasil. O que acontecerá com as clínicas radiológicas?

Na minha opinião, está perfeitamente claro que o Fleury não entraria neste mercado apenas para atender os clientes da Odontoprev.

Gigantes financeiros não entram para perder.

Certamente vão incluir radiologia odontológica em seu atendimento.

Alguém está preocupado com esta situação? Na minha opinião deveria!

Finalmente, sugiro que conheçam o trabalho da ACRO (não confunda), uma entidade sem interesses políticos, sem fins lucrativos, que tem lutado pelo interesse da Odontologia (www.acro.org.br).

Links

  1. http://www.valor.com.br/empresas/2848612/compra-do-papaiz-e-primeiro-passo-para-diversificar-negocios
  2. http://cfo.org.br/jornal/
    Edição 103 página 8
  3. http://www.empreendersaude.com.br/2012/03/rede-unna-uniao-de-bradesco-dental-odontoprev-e-outras-marcas-impoe-valores-ate-655-mais-baixos-aos-franqueados/
  4. http://www.crosp.org.br/profissionais/servicos/publicacoes/jornal/arquivos/136.pdf
    Página 4
..:: Direitos Reservados © 2007 - www.acro.org.br ::..